Hospital de Clínicas recebe 41 próteses de quadril doadas pelos Amigos do HC

A Associação dos Amigos do Hospital de Clínicas doou 41 próteses de quadril para pacientes do Hospital de Clínicas. O material foi adquirido através dos recursos arrecadados pela ação Nota Amiga, que tem como objetivo arrecadar notas fiscais sem CPF. Até março deste ano, já foram arrecadados mais de R$ 130 mil, que estão sendo destinados a diversas áreas de atendimento do Hospital.

As cirurgias com as novas próteses doadas foram iniciadas no final de maio e deverão se estender pelos próximos dois meses – estão sendo realizadas cerca de seis operações por semana. As próteses são destinadas a pacientes que têm problemas de limitação da mobilidade, devido a doenças degenerativas envolvendo a articulação do quadril. “São geralmente pacientes idosos e o objetivo é que possam retomar a sua mobilidade o mais rápido possível. As cirurgias são de médio para grande porte, realizadas pela equipe de ortopedistas especializados do HC”, destaca o Dr. José Luiz de Godoy, gerente de atenção à saúde do Hospital de Clínicas.

As cirurgias estavam suspensas desde novembro de 2016, pois o valor apresentado por fornecedores no pregão de aquisição de novas próteses foi alto, ficando bem acima da média aceita pelo SUS, o que impossibilitou a compra pelo HC. Os recursos arrecadados pelos Amigos do HC permitiram que as próteses fossem adquiridas a preços mais próximos da tabela do SUS, ajudando a diminuir a fila de cirurgias, que atualmente tem 130 pacientes à espera de uma prótese de quadril.

Além do benefício direto das 41 próteses para os que precisam da artroplastia do quadril, outras pessoas serão beneficiados pela doação dos Amigos do HC. Para realizar as cirurgias, é necessária a retirada da cabeça do osso do fêmur, que é um dos melhores enxertos ósseos que existem. E o Hospital de Clínicas, através de sua Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes, estabeleceu um fluxo de doação das cabeças do osso de fêmur com a Vigilância Sanitária e o Banco de Tecidos Humanos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). “As cabeças do osso do fêmur retiradas dos pacientes que receberão as próteses serão doadas ao Banco de Tecidos da PUCPR. Esse material será processado para a geração de enxerto ósseo, beneficiando diversos outros pacientes”, confirma Godoy.

Perfil José Luiz de Godoy (2)

Dr. José Luiz de Godoy, gerente de atenção à saúde do Hospital de Clínicas.

Acompanhe nossas notícias, projetos, eventos e tudo mais!
Parceiros
Fertipar Fertilizantes
CNA – Inglês Definitivo
Tintas Darka
Instituto Grpcom
RPC
Tribuna do Paraná
Gazeta do Povo
Wizo
Vivas
Tif
Urbs
Unimed Curitiba
Thalia
Solivan
Sinpacel
Sindvest
Sindilojas Curitiba
Sesi
Patio Batel
Net TV
MM Eventos
MegaMania
Madero
LaVioletera
Kamifio
JetSet
Instituto TMO
INSTITUTO RIC
EMBELLEZE
INEPAR
IBEMA
HCUFPR
RIC
BAND
FURUKAWA
FECOMERCIO
EXTRAMED
ESPAÇO GOURMET
ESAL FLORES
CLUBE CURITIBANO
CINI
CERTO SABOR
CEDCA PARANÁ
Carraro
Bem Valente
Artestil
Almeida Lopes
O Boticário
Expoente
Gazeta do Povo